Paladar

janeiro 29, 2011

O poema não é trigo
tão pouco é farinha.
Poema não é
sua matéria prima.

O poema não é vaca
tão pouco é leite
poema não é
derivado nem enfeite.

O poema não é fogo
tão pouco é fermento.
O poema não é
agente de crescimento.

O poema é a fome
e é a mão
de quem come
e de quem fez o pão.

Anúncios